O Alegre Solzinho!


(Fonte das imagens: Google!)

O Alegre Solzinho!

Este lindo solzinho surgia todos os dias alegremente no céu, trazendo lindas manhãs para toda criançada. Era sua maior felicidade poder acordá-las todos os dias. Do céu ele as observava saindo de suas casas para irem brincar na rua... Era muita alegria!

Solzinho tinha um sonho, um dia poder descer do céu e ir conversar e brincar com as crianças, porém era um sonho muito difícil. Como ele poderia descer? E quem ficaria no céu iluminando o dia para que as crianças pudessem brincar? Isso o deixava muito triste... Mas ele não desistia e todos os dias tentava encontrar alguma solução para poder realizar seu sonho.

Certo dia passava pelo céu um belo Cometa e Solzinho o chamou:

- Cometa, você pode vir aqui?



- Olá alegre Solzinho, o que deseja?

- Queria muito que você ficasse aqui no meu lugar por alguns minutos para que eu pudesse descer e brincar um pouco com as crianças.

- Desculpe Solzinho, você sabe o quanto corro e não posso ficar parado... Adeus!

O Cometa foi embora deixando Solzinho sozinho, ele ficou triste, porém continuou a pensar em mais alguma solução. Observou algumas nuvens e viu um Raio entre elas e o chamou:

- Raio você pode vim aqui?



- Olá Solzinho, posso te ajudar?

- Você poderia ficar aqui no meu lugar para que eu possa ir brinca só um pouquinho com as crianças lá na terra.

- Que pena Solzinho não posso te ajudar. Minha iluminação é rápida e não poderia clarear a terra tão bem quanto você.

O Raio sumiu o deixando mais uma vez sozinho... De longe uma linda Estrelinha observava a persistência de Solzinho e foi lá conversar com ele:



- Olá Solzinho, sou Estrelinha e vim te ajudar. Sei o quanto você gostaria de descer lá na terra para brincar com as crianças, vou te ajudar a realizar seu sonho, irei ficar em seu lugar e clarear toda a terra enquanto você estiver lá, saiba que meu brilho só aparece mesmo à noite, mas para você, irei me esforçar ao máximo para que ninguém perceba que você saiu, porém você deve voltar logo, pois não posso aguentar muito tempo!

- Estrelinha, fico muito feliz em saber que você irá se esforçar tanto para que eu realize meu sonho. Pode deixar que voltarei logo.

E então Solzinho desceu feliz, muito feliz!

Chegando a terra conversou muito com as crianças, brincou e viveu momentos que ficaram para sempre marcados em sua memória. Passou pouco tempo, pois, logo teria que ocupar seu lugar no céu. Porém o pouco que passou ali na terra com aquelas crianças foi totalmente inesquecível. Voltou ainda mais satisfeito com sua função no céu!

Ao chegar, agradeceu muito a linda Estrelinha por ter o ajudado na realização de seu sonho. E a Estrelinha falou:

- Querido Solzinho, fiz isso porque gosto de ver meus amigos felizes! Sei o quanto você sonhava com este dia e o quanto você tentou achar alguma solução. O que me motivou a ajudá-lo foi a sua capacidade de nunca ter desistido!

- É verdade Estrelinha, nunca desisti e no fim deu certo, pois consegui realizar meu GRANDE sonho. Obrigado mais uma vez!

Estrelinha partiu super feliz com a certeza de que quando realmente desejamos realizar algo e formos persistentes, no final, tudo dará certo!

E Solzinho continuou alegremente a trazer lindas manhãs para toda garotada!

((Crianças, nunca desistam de seus sonhos, lutem por eles SEMPRE!))

Por Minéia Pacheco!

5 comentários:

  1. Garota!Esta historinha serve e muito para nós adultos que somos tão "fraquinhos" no que diz respeito à perserverança.Amei!Bela lição,como sempre!bjs.

    ResponderExcluir
  2. OI! É... tenho que concordar com a Soninha aqui de cima!! Esta história serve para adultos e crianças!!! Linda!!! Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Lindo solzinho em tua história linda!beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Minéia,que lindeza de conto cheio de esperança e lições de amizade!Adoro seu blog!Bjs,

    ResponderExcluir
  5. OI Minéia,
    contei essa também para as minhas filhas. Olha a coincidência: a Ana Luiza chegou em casa hoje com um cometa que ela fez na aula de ciências e a postagem que eu fiz ontem falei rapidamente de persistência com as minhas filhas.
    Adorei.
    beijos
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.(Antoine de Saint-Exupéry)

...Agradeço a visita e o comentário!...

Volte sempre!

Beijinhos, Minéia Pacheco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Contos para criança ler, ouvir e sonhar! © Desenvolvido por Elaine Gaspareto