• 02
    AGO

    UM MUNDO ONDE NÃO HÁ DIFERENÇAS!



    (Fonte da imagem: Google!)

    Um mundo onde não há diferenças!

    Existe um mundo não muito longe daqui onde as crianças respeitam suas diferenças, suas desigualdades. Um mundo onde todas se juntam por uma única razão, a paz! É um mundo rico em harmonia, respeito, felicidade e amor. E as crianças que lá vivem aprendem com a diferença e enriquecem seus conhecimentos diante de tanta diversidade!

    Enquanto João vivia fora desse mundo, não se dava com alguns de seus colegas da escola, chegava sempre em casa falando mal deles por serem tão diferentes. Sua mãe já não suportava tanta falta de respeito de João com os colegas e resolveu levá-lo ao mundo onde não havia diferenças:

    - Sabe João, está na hora de você conhecer um mundo, não muito longe daqui, onde não existe a diferença e todas as crianças respeitam suas desigualdades.

    - Mamãe não quero viajar!

    - Escute o que vou te falar... Nos tempos de hoje encontramos muitas pessoas diferentes de nós, nas escolas, nas praças, nos shoppings, e para vivermos bem e felizes com todas elas, temos que aceitá-las como são. Não devemos tratar ninguém mal, ou ficar irritado porque alguém agiu de um jeito diferente que nós agiríamos, entendeu?

    - Entendi mamãe, mas, por favor, não vamos viajar!

    - Sabe meu filho, existem crianças de todos os tipos, magras, gordas, ricas, pobres, negras, brancas, crianças que gostam de jogar futebol, outras não, umas que são boas em matemática, outras em português, crianças que são criadas por pais e mães, outras só pelas mães, outras só pelos pais e assim por diante, cada uma tem sua história e seu jeito único de ser e temos que saber conviver bem com tudo isso. Por isso, hoje decidi te mostrar este mundo onde não existe as diferenças e onde todos vivem em paz. Já não aguentava mais você chegar em casa todos os dias falando que brigou com os amigos porque eles não pensam como você.

    - Tudo bem mamãe, prometo que irei me comportar. Não me leve para outro mundo, por favor!

    - João esse mundo não fica muito longe daqui, ele vive dentro de você!

    - Dentro de mim?

    - Sim, dentro do seu CORAÇÃO. Você deve compreender que nosso coração é do tamanho do mundo e que dentro dele tem espaço suficiente para aceitar todas as diferenças que existem fora dele e entender que quando realmente queremos, podemos viver em paz com tudo e com todos, apesar das diferenças!

    - Ah mamãe que alívio!

    - Você me entendeu filho?

    - Entendi sim mamãe, pode deixar que aprendi bem a lição e irei respeitar sempre meus amigos, obrigado por ter me mostrado esse lindo mundo que existe dentro de mim!

    ((Crianças, em nosso coração há espaço para aceitarmos nossos amigos como eles são!))

    Por Minéia Pacheco!

    Avatar





    • Olá Mineia!Ser criança é bom demais e seu blog tem histórias muito educativas!Obrigado pela sua presença em nosso novo blog!Abraços,

      RESPOSTA





    • Oi querida,

      faço minhas as palavras da Chica... Adorável blog... O novo template ficou demais! Bj com gotinhas de poesias.

      RESPOSTA





    • Mineia,que linda sua história!Se todos os pais ensinassem seus filhos a conviver com as diferenças o mundo seria muito melhor!Parabéns tb pela homenagem aos pais,com o belo poema de Pedro Bandeira!Bjs,

      RESPOSTA





    • TEU BLOG É UM ESPETÁCULO.CADA HISTÓRIA COM UMA LINDA LIÇÃO E MENSAGEM!ADOREI !um beijo,tudo de bom,chica

      RESPOSTA





    • que lindo!!!

      temos mesmo que ensinar nossos pequenos que cada um é especial nas nossas diferenças...

      bjs

      RESPOSTA





    • Que bom que esse mundo não é tão longe daqui. Torço para que ele se aproxime cada vez mais.
      Adorei a homenagem aos pais.

      Olha, tem um sorteio lá no meu blog, dá uma passadinha por lá. De repente te interessa.
      beijos
      Chris
      http://inventandocomamamae.blogspot.com/

      RESPOSTA








    MINÉIA PACHECO
    Escritora



  • ANUNCIE AQUI




    PARA PENSAR

    Ah, como é importante para a formação de qualquer criança ouvir muitas, muitas histórias... Escutá-las é o início da aprendizagem para ser um leitor, e ser leitor é ter um caminho absolutamente infinito de descoberta e de compreensão do mundo...
    (Fanny Abramovich)





    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.