Júlia e sua nova irmã!


Júlia e sua nova irmã!


(Fonte das imagens: Google!)

Júlia sempre sonhou com o dia em que ganharia uma irmãzinha para brincar com ela e sua coleção de bonecas, sempre perguntava a sua mãe:

- Mamãe, minha irmãzinha vai demorar muito para chegar?

- Sabe filhinha, no momento não estou pensando em ter outro filho.

- Mais mamãe preciso muito de uma irmãzinha!

- Deus saberá o momento certo.

Os dias foram passando e Júlia continuava a brincar sozinha e a desejar muito uma irmãzinha. Enquanto brincava ouviu sua mãe lhe chamar:

- Júlia você poderia vim aqui?

- Claro mamãe... Diga!

- Lembra que um dia você me perguntou quando sua irmãzinha iria chegar?

- Sim mamãe e lembro que a senhora me respondeu que Deus saberia à hora certa.

- Então... Ele achou melhor antecipar e já enviou um bebezinho, só não sabemos se será uma menininha pois está ainda bem pequenininho aqui na barriga da mamãe!

Júlia não contia em si de tanta felicidade e saiu pela casa gritando:

- Vou ganhar uma irmãzinha... Vou ganhar uma irmãzinha...

- Mas filha não sabemos se é uma menina!

- Será mamãe, será...

O tempo passou e a barriga cresceu...



- Filha, hoje saberemos se é uma menininha ou não.

- Sabe mamãe o que realmente desejo é que esse meu irmãozinho que está aí dentro da sua barriga nasça repleto de saúde.

Ao chegar da consulta a mãe de Júlia a chama:

- Filha corre aqui, já sabemos o que será!

- E o que é mamãe?

- É uma menininha filha, uma menininha!

Júlia chorou de felicidade!

- E você escolherá o nome.

O tempo passou e enfim a tão esperada irmã de Júlia chegou ao mundo, repleta de saúde e de muito amor. E então Júlia pede para segurar um pouco sua irmã.

- E então filha, qual será o nome dela?



- Ah mamãe ela é tão linda e se chamará Julieta.

- Que lindo nome filha.

- Mamãe queria te agradecer...

- Agradecer pelo quê filha?

- Por ter me dado o melhor presente da minha vida... Minha irmã!

A mãe encheu os olhos de lágrimas e ficou um bom tempo observando suas duas filhas, um grande amor que nascia naquele momento. Um amor entre irmãs! E esse amor é um dos mais belos do mundo, feliz aquele que ama profundamente seus irmãos!


MINÉIA PACHECO!

7 comentários:

  1. OI Minéia,
    passando para pegar uma historinha para a Sofia.
    Enquanto o livro não chega ...
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. oi minéia , adorei a historia e a visita , bom final de semana bjs

    ResponderExcluir
  3. Que amor de reconhecimento.Irmãos são grandes parceiros de farras e brincadeiras juntos...beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Blog fantástico!!! Você tem que participar do Castelo.
    lha, continuo postando cinco poemas diarios em meu blog, http://lenjob.blogspot.com, mas vim apresentar o meu castelo, http://castelodopoeta.blogspot.com, que é interativo, com poemas de outros poetas, videos, curtas, entrevistas, exposições e etc..., sempre de arte, fotografia, moda (e segunda será postada a entrevista com a booker Sandra Sayão da Ford Models de Minas) e esportes alternativos e queria sua visita lá. Aguardo!
    Atenciosamente,

    João Lenjob

    Transformação Florida
    João Lenjob

    Parte I
    Desfile para mim, menina,
    Princesa, surpresa, querida,
    Desfile teu encanto, divina,
    Tão nobre presença em vida.

    Passe por aqui novamente
    Meu peito, que és a semente,
    Passe por aqui, assim graciosa
    Tão bela, puramente saudosa.

    Parte II
    És aquela que faz não parecer que falta amor
    Que transborda o sonho na retina da gente.

    És aquela que cria a saudade, minuto saudade
    Que transforma a íris no sonho da gente.

    És o esboço mais preciso da natureza em paz
    Da infinito horizonte em transformação florida.

    ResponderExcluir
  5. Mineia,me arrepiou,acredita?...rsss...Linda sua história e o amor entre irmãs é mesmo uma coisa do céu!Bjs,

    ResponderExcluir
  6. Que bonitinho! Vou enviar agora para minha amiga Carol, que tem duas menininhas.
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Muito linda!Perfeita.bjs e muita paz pra você.

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.(Antoine de Saint-Exupéry)

...Agradeço a visita e o comentário!...

Volte sempre!

Beijinhos, Minéia Pacheco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Contos para criança ler, ouvir e sonhar! © Desenvolvido por Elaine Gaspareto