• 04
    DEZ

    ENTÃO É NATAL!


     
     
     
    Junior e Carol estavam eufóricos, pois enfim iriam montar a árvore de natal da família. Eles amavam essa época do ano, amavam enfeitar a árvore e vê-la piscar com suas lindas luzes brilhantes, ficavam encantados!
     
    - Natal é uma época tão mágica não é Junior?
     
    - É sim Carol, sinto as pessoas bem mais felizes!
     
    - Muitos dizem que Natal também é tempo de pensar no próximo, de ajudar quem mais precisa.
     
    - Verdade Carol e tive uma ideia. Vamos fazer algo diferente neste Natal?
     
    - Claro, mas... O quê?
     
    - Vamos juntar nossas economias e comprar presentes e doar ao orfanato que fica aqui na nossa rua.
     
    - Que ideia genial, vamos fazer isso logo depois que terminarmos de montar a árvore.
     
    Carol e Junior terminaram de montar a árvore de Natal, pegaram suas economias, correram para o magazine mais próximo da cada deles e compraram alguns presentinhos, não muitos, mas o suficiente para fazerem algumas crianças mais felizes.
     
    Voltaram para casa e colocaram os presentes em baixo da árvore de Natal, pois só entregariam na noite natalina, mas a ansiedade já estava enorme:
     
    - Será que as crianças vão gostar Carol?
     
    - Claro que sim Junior, elas irão amar!
     
    Quando a mãe deles chegou em casa, viu a árvore montada e repleta de presentinhos e perguntou:
     
    - De onde saíram esses presentes?
     
    - Compramos mamãe. – Falou Carol.
     
    - Vamos dar as crianças que moram no orfanato aqui perto de casa. – Falou Junior.
     
    - Pegamos nossas economias e fomos no magazine aqui perto. – Falou Carol.
     
    - Porque no Natal devemos pensar naqueles que mais precisam. – Falou Júnior.
     
    A mãe nada falou, estava emocionada demais, pois seus filhos, tão pequeninos, já entendiam o verdadeiro significado do Natal, como não amá-los mais ainda?!
     
    Baixou-se, abriu os braços, os chamou para um forte abraço e falou:
     
    - O verdadeiro sentido do Natal é esse, fazer o bem ao próximo, fazer o bem para quem mais precisa. Obrigada por serem esses filhos tão maravilhosos, amo vocês!
     
    Júnior e Carol estavam felizes, sentiam a alegria dentro do coração, sentiam a verdadeira magia do Natal, pois é bem mais feliz quem dá, do que quem recebe!
     
     
     
    Autora Minéia Pacheco

    Avatar








    MINÉIA PACHECO
    Escritora



  • ANUNCIE AQUI




    PARA PENSAR

    Ah, como é importante para a formação de qualquer criança ouvir muitas, muitas histórias... Escutá-las é o início da aprendizagem para ser um leitor, e ser leitor é ter um caminho absolutamente infinito de descoberta e de compreensão do mundo...
    (Fanny Abramovich)





    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.