• 16
    FEV

    SOLIDARIEDADE, PASSE ADIANTE!





    Solidariedade, passe adiante!

    Seu Carlos vendia picolé há muitos anos, sempre passava pelos mesmos lugares e já tinha sua freguesia certa. As crianças, quando escutavam a buzina do carro do picolé, saiam correndo de casa para comprar. Era cada um mais delicioso que o outro!

    Quem preparava os picolés era a esposa de Seu Carlos, eles trabalhavam juntos e eram muito felizes!

    Certa vez, ao passar normalmente pelas ruas vendendo seus picolés, seu Carlos observou um menino todo sujo e sentado no chão. O menino olhava para o carro do picolé com muita vontade, era um olha de desejo. Porém, qualquer pessoa podia saber que ele não tinha dinheiro para comprar, seu Carlos vendeu seus picolés e voltou para casa como sempre fazia, mas, não saía de seu pensamento aquele pobre menino louco por um picolé.

    Ao chegar em casa foi conversar com sua esposa:

    - Sabe querida, hoje vi uma cena que cortou meu coração!

    - O que houve querido?

    - Vi uma criança de rua, toda suja e tenho certeza de que estava morrendo de fome também e não fiz nada para ajudá-la.

    - Não fique assim querido, tenho certeza de que você não a ajudou por maldade, apenas não pensou logo em como ajudá-la.

    - Mas como podemos ajudar essas crianças?

    - Não sei querido... Bem, vou fazer os picolés para serem vendidos amanhã.

    - Tive uma ideia!!

    - Qual?

    - Nós somos muito felizes vendendo picolés há tantos anos, não é?

    - Sim, e muito!

    - Estou querendo dedicar um dia para não vender picolés e sim DAR para as crianças de rua. Eu sairia normalmente como todos os dias e iria dando picolés para as crianças que não têm condições de comprar. O que você acha?

    - Querido... Acho uma ÓTIMA ideia! Porque não pensamos nisso antes? É muito importante fazer o bem ao próximo.

    - Amanhã mesmo farei isso, não irei vender nenhum, irei dar a todas as crianças de rua que encontrar.

    - Estou tão feliz com isso que irei caprichar muito nos picolés que você irá dar amanhã.

    - Querida, se todos fizessem um pouco, assim como nós, com certeza esse mundo seria bem melhor!

    - E como seria!



    Minéia Pacheco

    Avatar








    MINÉIA PACHECO
    Escritora



  • ANUNCIE AQUI




    PARA PENSAR

    Ah, como é importante para a formação de qualquer criança ouvir muitas, muitas histórias... Escutá-las é o início da aprendizagem para ser um leitor, e ser leitor é ter um caminho absolutamente infinito de descoberta e de compreensão do mundo...
    (Fanny Abramovich)





    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.