• 10
    AGO

    MEU SUPER PAPAI!





    Meu SUPER papai!



    Alice e Bento tinham algo em comum além de serem irmãos, amavam incondicionalmente o pai. Quando eles ouviam de longe o barulho da chave de casa do papai eles ficavam eufóricos e gritando:

    - Papai chegou!!!

    Corriam em sua direção e depois de muitos abraços e beijos esperavam o momento mais especial do dia... A gangorra nos braços do papai!

    Para eles não existia no mundo momento mais feliz do que aquele, como era bom poder brincar de gangorra nos braços do papai!

    - Papai como o senhor consegue nos levantar em seus braços? – Perguntou Alice.

    - É papai, como consegue? – Também perguntou Bento.

    - A vontade de ver esse sorriso lindo de alegria no rostinho de vocês é que me dá forças! Mas, agora já é hora de descer, o papai passou o dia trabalhando e merece descansar um pouco, não é?

    - Tudo bem papai. – Falaram os dois.

    O pai tomou um super banho e juntos foram jantar, depois do jantar o papai deitou no sofá e foi assistir as notícias do dia quando de repente, percebeu alguém mexendo em seus pés, era Alice e Bento.

    - O que vocês estão fazendo? – Ele pergunta.

    - Estamos fazendo massagem em seus pés papai, o senhor gosta? – Eles perguntam.

    - Claro que gosto, mas já está na hora de vocês dormirem.

    - Papai queremos lhe agradar também! – Falaram.

    - Mas já está tarde, o papai não quer dá trabalho para vocês.

    - Não é trabalho nenhum, se o senhor gosta é nossa maior alegria poder fazer algo que lhe faça feliz!

    - Sou o pai mais feliz desse mundo por ter uns filhos tão especiais como vocês.

    - Nós é que somos os filhos mais sortudos do mundo por ter um pai que, mesmo cansado depois de um dia de trabalho, ainda nos suporta nos braços brincando de gangorra! Nós te amamos papai!

    - Também amo vocês demais filhos queridos!

    E juntos, ficaram ali no sofá da sala, abraçados e felizes!



    Recadinhos para os papais: - Brinquem muitos com seus filhos, momentos como esses serão sempre lembrados com muito carinho por eles. Brincar com os filhos... NÃO TEM PREÇO!

     



    Autora Minéia Pacheco
     

    Avatar





    • amiga querida, lembro tão pouco do meu pai, mas o pouco que lembro era assim como essa historinha, cheinho de amor e carinho...

      nossa, que saudade senti dele agora...

      amiga, desculpe a ausência, o Rafinha estava doente, foi uma semana difícil aqui, mas ele já esta melhorzinho...

      beijos e agora vou pra próxima historinha...

      Su.

      RESPOSTA





    • Q linda história !!!
      Amei.
      Bjks

      RESPOSTA





    • Que blog lindo!!! Estou encanatada. Além do Depois dos 25... também sou uma das editoras do blog O que elas estão lendo!?

      Que tal dar uma entrevista por lá? o endereço é www.oqueelasestaolendo.com e o e-mail elasestaolendo@gmail.com

      Beijos

      RESPOSTA





    • Oi Minéia,
      que história mais linda!
      Fiquei feliz pela sua visita! Que bom que gostou da receita, pode fazer pq ficou bom mesmo!
      Beijos
      Chris
      http://inventandocomamamae.blogspot.com/

      RESPOSTA





    • Mineia,que bela história de amor!Muito bom ler textos tão amorosos!Bjs,

      RESPOSTA





    • Oi Minéia, que pai bom esse hiem?
      Adorei a historia e a visita!!!
      Bjs do Neno

      RESPOSTA





    • Bom dia MInéia!
      Uma bela e sensível mensagem aos papais.
      Nada como um bom carinho e abraço paterno.
      uma excelente quinta-feira para ti.
      abração

      RESPOSTA





    • Que linda história e adorei o recado importante...Isso é tudo de bom!beijos,chica

      RESPOSTA





    • Olá amiga querida!
      Antes de mais peço desculpa pela demora... :(
      desde que cheguei de férias tenho tido muitas coisas para tratar em casa e ainda não tinha conseguido cá passar...
      Mas estava já com mts saudadinhas suas!!=^.^= Passei também para trazer um miminho de amizade:
      http://dl.dropbox.com/u/2444571/Meu%20Blog/2011%20extrinhas%20blog/mimo%20amizade.gif

      Espero que goste:) bjinhos e bom restinho de semana:)
      Joana Neves
      http://joana-neves.blogspot.com

      RESPOSTA








    MINÉIA PACHECO
    Escritora



  • ANUNCIE AQUI




    PARA PENSAR

    Ah, como é importante para a formação de qualquer criança ouvir muitas, muitas histórias... Escutá-las é o início da aprendizagem para ser um leitor, e ser leitor é ter um caminho absolutamente infinito de descoberta e de compreensão do mundo...
    (Fanny Abramovich)





    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.