Aprendendo a brincar!


Fonte da imagem AQUI!

Joaquim vivia trancado em seu quarto brincando com seu vídeo game, ou na televisão, ou no celular e suas férias estavam sendo assim, trancando!

Sua mãe já não suportava vê-lo nessa rotina e decidiu leva-lo ao parque que ficava perto da sua casa, porém ao chegarem lá Joaquim não saiu do celular e dos jogos eletrônicos que nele existia.

- Filho te trouxe aqui para você ir brincar com outras crianças, fazer novas amizades, fazer algo saudável. Desligue esse celular!

Joaquim obedeceu a mãe, porém não saiu do lugar, ficou olhando de um lado para o outro sem ânimo para brincar, correr. Na verdade ele nem sabia brincar assim, brincadeira para ele era na frente de alguma televisão, de algum vídeo game, esses eram seus tipos de brincadeiras. Continuou a olhar para os lados, até que viu um garotinho correndo sem parar com uma bela pipa na mão. Ele observou que o garoto corria para tentar fazer a pipa subir e ficou encantado quando viu que enfim o garoto tinha conseguido fazer a pipa voar e ficou olhando-a lá no céu, entre as nuvens e achou muito legal tudo isso que estava presenciando.

Sua mãe observou a admiração do filho com a pipa e perguntou-lhe se não queria tentar empinar uma também, ele logo falou que não conseguiria, que não sabia brincar assim e a mãe lhe interrompeu falando:

- Filho a gente aprende a brincar!

Joaquim decidiu tentar, mas no início não foi muito bem, caiu, tentou desistir, mas sua mãe não deixou e o incentivou até ele enfim conseguir empinar uma pipa. Quanto ele viu sua pipa no alto a voar ficou encantado, maravilhado e imaginando o quanto é bom aprender a brincar de verdade.

Depois deste dia, todos os dias ele foi ao parque brincar, empinar pipa, fez vários novos amigos e esqueceu o vídeo game, a televisão, os jogos do celular... Aprendeu a brincar de verdade e a se encantar olhando sua pipa no céu dançando entre as nuvens!

Isso sim que é brincadeira de verdade!



Autora: Minéia Pacheco

6 comentários:

  1. Que bom que ele aprendeu! Fico triste ao ver crianças assim. Devem ser estimuladas a ser crianças! beijos praianos,chica

    ResponderExcluir
  2. Oi Minéia!
    Adorei a mensagem e estória.
    E como é difícil hoje tirar a criançada de frente do pc e video game.
    Muito bom estar aqui.
    abração com carinho

    ResponderExcluir
  3. Nos dias de hoje isso acontece muito!Já tive muitos alunos que não sabiam brincar e nem conviver com outras crianças.História muito linda e com ótimo ensinamento.bjs,

    ResponderExcluir
  4. Ah que bom que ele aprendeu. Criança precisa correr, criar, inventar, pular, se divertir. Na escola a gente leva as crianças toda semana para um espaço livre do mercado público sabe, leva brinquedos, bolas etc, mas ai de repente a gente ver que elas inventam outras brincadeiras.aqui as crianças brincam mais na rua ao ar livre. Muito bommmmmmmmm. saudades. tem novidades no Poesia.

    ResponderExcluir
  5. Minéia,linda sua história!
    Que bom Joaquim aprendeu a brincar!
    Eu gosto de pc, mas adoro brincar com outras coisas.
    Beijinhos
    Pedro
















    ResponderExcluir
  6. Olá, querida Mineia
    Meus netinhos têm horários intercalados para tudo pois ficariam como a sua história se assim não o fosse...
    Tenha um excelente fim de semana!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.(Antoine de Saint-Exupéry)

...Agradeço a visita e o comentário!...

Volte sempre!

Beijinhos, Minéia Pacheco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Contos para criança ler, ouvir e sonhar! © Desenvolvido por Elaine Gaspareto