Era para ser um dia perfeito, mas choveu!


Fonte da Imagem AQUI


Lara esperava há muito tempo pelo dia em que iria desfilar na rua onde morava. Todo ano, no mês de julho, aconteciam desfiles em sua rua, ela nunca participou, pois não tinha idade, mas este ano seria diferente, enfim poderia participar e aquele seu primeiro desfile teria que ser perfeito.

- Mamãe, mamãe, estou muito ansiosa! – Falou Lara.

- Se acalme minha filha, não precisa ficar assim.

- Mas mamãe, a senhora é testemunha do quanto sonhei com o dia em que enfim iria desfilar em nossa rua, este dia tem que ser PERFEITO!

- Claro que sei o quanto você sonhou com o dia de hoje, se acalme, tudo será perfeito.

- Tomara mamãe, tomara...

O dia foi passando e Lara não conseguiu descansar nem um minutinho, passou todo o dia só pensando na hora do desfile e desejando que fosse um dia perfeito.

- Vamos Lara, esta na hora de se arrumar, o desfile logo irá começar.

- Que alegria!!! Estou indo mamãe.

Lara se arrumou e ficou linda, uma bela menina, saiu com sua mãe e ao colocar um pé na rua sentiu pingos de chuva e gritou:

- Não acreditooooo, vai chover!!!

- Calma Lara, não precisa ficar assim...

- A senhora não entende mamãe, hoje era para ser um dia perfeito, mas não será, pois vai chover!

- E quem disse que a chuva causa imperfeição?

- Eu mamãe, eu disse, claro que causa. Como poderei desfilar em baixo da chuva? Como?

- Minha filha, sol e chuva são bênçãos de Deus e ambos têm que ser recebidos com muito entusiasmo.

- Mas foi chover logo agora, passou o dia todo com um lindo céu azul e logo agora, na hora do desfile, toda essa chuva...

E Lara começou a chorar.

- Larinha, falou a mãe, não deixe que nada tire a sua alegria pelo dia de hoje, o dia que você tanto esperou. Você vai brilhar seja na chuva, ou no sol. Sorria, erga a cabeça e vamos desfilar.

Lara se sentiu muito feliz e motivada com tudo que a mãe falou, enxugou as lágrimas, ergueu a cabeça e foi ao tão sonhado desfile. Desfilou brilhantemente na forte chuva, pois naquele momento a chuva não mais a preocupava... Nada mais poderia atrapalhar e tirar seu brilho no tão sonhado desfile.

- Filha como você estava linda desfilando.

- Mamãe estou tão feliz, realmente nada, nem a chuva, atrapalhou meu dia hoje, ele foi perfeito!

- Que bom filha, estou tão orgulhosa de você.

- Obrigada mamãe, orgulho tenho eu de ter uma mãe maravilhosa como a senhora.

E abraçadas entraram em casa, aquele foi um dia perfeito e felizes elas foram dormir.


Não deixe que nada tire a alegria de fazer você brilhar, sempre!



Autora: Minéia Pacheco

9 comentários:

  1. Realmente não podemos deixar, que ninguém, nem nada nos tire a alegria de viver.
    Lindo conto querida Minéia.
    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  2. Que lindo!! E que bom que ela viu que nada pode ou deve atrapalhar nossos planos, se quisermos realmente! bjs praianos,chica

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que que mesmo com a chuva o desfile de Lara foi legal!
    beijinhos Pedrinho

    ResponderExcluir
  4. Primeira vez que acesso o seu blog e amei! Lindo conto, meu filho Gabriel adorou e diz que queria ver todos os contos de uma vez. rs

    ResponderExcluir
  5. Oi Minéia!
    Uma lição e tanto de vida em seu conto.
    A alegria não pode nunca se apagar de dentro da gente, pois ela nos fortalece.
    abração com carinho

    ResponderExcluir
  6. Uma linda lição. Devemos enfrentar nossos medos e anseios faça chuva ou faça sol hheheeh. Bjs

    ResponderExcluir
  7. Que lindo conto!!!! Isso aí, devemos acreditar sempre que iremos realizar nossos sonhos!!!

    Um pássaro, enquanto repousa em uma árvore nunca teme que o galho se quebre pois sua confiança não está no galho,mas em suas asas. Confie em si mesmo!

    beijinhos.

    ResponderExcluir
  8. Olá, querida Minéia
    Lutar pelos sonhos que temos é salutar e indispensável para crescermos...
    Lindo conto!!!
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito mesmo ela aprendeu muito

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.(Antoine de Saint-Exupéry)

...Agradeço a visita e o comentário!...

Volte sempre!

Beijinhos, Minéia Pacheco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Contos para criança ler, ouvir e sonhar! © Desenvolvido por Elaine Gaspareto