Nasceu a linda rosa!


Num certo jardim todas as flores estavam eufóricas com o nascimento da rosa que ali ria habitar. A agitação das demais flores tinha um motivo, pois aquela rosa que logo nasceria não era uma rosa qualquer, ela era especial, muito especial... e todos esperavam por ela há tempos!

O jardim era lindo, repleto das mais belas flores e lá elas viviam felizes. Os pássaros voando a cantar, as borboletas de diversas cores sempre passam por lá, abelhas e caracóis também fizeram morada naquele jardim especial. Mas, no momento, o único assunto entre os habitantes daquele jardim, era sobre o nascimento da linda rosa que em breve aconteceria. A rosa era bem especial, pois naquele jardim existiam flores diversas, mas nenhuma rosa, ela seria a primeira e todos contavam as horas para enfim vê-la brotar ali. As demais flores falavam entre si eufóricas:

- Nossa, essa rosa deve ser muito linda!

- Ela vai deixar nosso jardim bem mais encantador.

- Sempre sonhei em ver uma rosa por aqui, que maravilha!

                Todo dia, assim que amanhecia, os moradores do jardim olhavam primeiramente para o botão da rosa esperando que enfim ela tivesse florescido, ficavam um pouco decepcionados ao perceberem que ainda não havia chegado o grande dia, mas a espera era deliciosa, no momento certo ela nasceria, disso eles tinham certeza!

                Então, em um belo dia de sol, quando as nuvens branquinhas brilhavam no céu, a rosa floresceu, a rosa nasceu e seu perfume invadiu o jardim, a sua beleza encantou a todos e suas belas pétalas viraram pouso de lindas borboletas, a rosa enfim nasceu!

                - Como és bela!

                - Como és linda!

                - Que perfume maravilhoso você exala!

                Todos, sem exceção, elogiaram a rosa e ela se sentiu feliz em ter nascido naquele jardim repleto de lindas flores e de tanto amor. Até o sol ficou radiante ao ver que a rosa tinha nascido e como presente lhe enviou lindos raios brilhantes em sua direção, fazendo com que sua beleza se tornasse ainda mais perfeita.

                E naquele jardim nada mais faltava, a rosa chegou para completar aquele lugar. Ela foi muita amada, foi muito esperada e fez amizade com todos.

                E muitos pensavam que as demais flores iriam perder seus encantos, mas não, cada flor daquele jardim era especial e tinha um jeito único de ser e de tornar aquele jardim o mais especial de todos os jardins!


Autora Minéia Pacheco


Olá queridos amigos, 

É com este lindo conto que retorno a este espaço tão especial para mim. Assim como esta linda rosa que nasceu no conto acima publicado, por aqui também nasceu uma bela rosinha, e foi ela o motivo da minha ausência durante este tempo.

Estou vivendo um maravilhoso mundo rosa!



Minha família agora esta completa!
Minha Beatriz completou 4 meses e para ela todo nosso amor!


Estou voltando... Estava com saudades!

Lindos contos recheados de sonhos para todos vocês!

...Beijos...

6 comentários:

  1. Que linda história da rosa,Minéia !

    E que bom te ver de volta, mostrando tua rosinha e felicidade! Família linda! beijos, tudo de bom, ótimo retorno! chica

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo teu lindo conto e por sua princesinha.
    Muita sorte e saúde para ti e família.
    abração com carinho

    ResponderExcluir
  3. Bem vinda ao cantinho tão especial e mais ainda trazendo esta linda rosa, se já te inspiravas com um menino imaginas com uma menina? É um sonho de amor ser mãe de menina. no poesia tem mil novidades especiais, depois com tempinho passe lá. Bom retorno. É sempre um prazer vir aqui

    ResponderExcluir
  4. que delícia de história, amei! te achei no blog da amiga Chica e já vou ficando. vou te linkar lá no blog :)))) bjs

    http://paulabelmino.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu e minha filha adoramos a história. Parabéns pelo lindo trabalho e pela linda família. Deus abençoe! bjs!

    ResponderExcluir
  6. Amei esse conto da linda rosa. Tenho tres anjo e sempre leio pra eles. Eles amaram esse bjs

    ResponderExcluir

Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós.(Antoine de Saint-Exupéry)

...Agradeço a visita e o comentário!...

Volte sempre!

Beijinhos, Minéia Pacheco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Contos para criança ler, ouvir e sonhar! © Desenvolvido por Elaine Gaspareto